PT com Picciani, contra Crivella

De Janes Rocha, do ‘Valor Econômico’:
“O deputado Jorge Picciani, presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), deverá ser o candidato do PT para a segunda vaga do partido ao Senado pelo Estado. A primeira é do prefeito de Nova Iguaçu, Lindberg Farias.
A informação é do presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra. Em uma rápida entrevista ao Valor ontem, Dutra explicou que o apoio a Picciani é coerente com a posição definida pelo partido em seu encontro estadual deste domingo, na quadra da escola de samba Portela, na Zona Norte do Rio. Com a presença da pré-candidata do PT à Presidência Dilma Rousseff, o partido sacramentou a aliança com o PMDB no Estado e o apoio à reeleição do governador Sérgio Cabral, além da candidatura de Lindberg.
“No Rio, o partido vai apoiar o candidato do (governador) Sérgio Cabral”, reiterou Dutra. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem defendido o apoio do partido ao senador e cantor gospel Marcelo Crivella, candidato do PRB.
Questionado sobre esta contradição, Dutra respondeu que o presidente Lula tem “liberdade” para fazer suas declarações e manifestar suas preferências. “Não podemos enquadrar o presidente da República”, respondeu Dutra, frisando, entretanto, o compromisso assumido pelo partido no Estado com o PMDB. “O presidente [Lula] tem demonstrado simpatia pelo Crivella, mas da mesma forma que o PT espera o apoio do PMDB [para a candidatura de Dilma à Presidência] temos o compromisso de apoiar o candidato do PMDB aqui”, disse Dutra”.