Chávez passa por terceira cirurgia

    Deu na ‘Folha’:
    “O Palácio de Miraflores confirmou em um comunicado ontem que a “lesão” na pélvis do presidente Hugo Chávez, 57, foi retirada durante uma cirurgia em Cuba. Ele está em Havana desde a última sexta.
De acordo com o texto, lido pelo vice-presidente, Elías Jaua, na Assembleia Nacional, o resultado foi “satisfatório” e Chávez se recupera bem.
Segundo o comunicado, o presidente está em contato permanente com o vice, o que, diz o texto, assegura a divulgação com “transparência” de informações sobre sua saúde.
Não foi divulgado, no entanto, se a “lesão” é um tumor. Na semana passada, Chávez admitiu esta possibilidade. Ele mencionou que a “lesão” teria cerca de 2 cm e estaria situada na pélvis.
O comunicado diz que foi retirada uma parte de tecido próxima à “lesão”, sem complicações nos outros órgãos. Não se sabe quanto tempo vai durar o tratamento na ilha.
É a terceira cirurgia a que Chávez se submete em Cuba. Em junho, após a retirada de um abscesso, ele anunciou a detecção de um tumor, também extraído, numa segunda cirurgia. Depois, passou por sessões de quimioterapia.
Pelas poucas informações divulgadas, médicos ouvidos pela Folha acreditam que o diagnóstico é compatível com câncer no intestino.
O presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Oncológica, Ademar Lopes, diz que é “alta” a possibilidade de a lesão retirada ter sido novamente um tumor maligno.
“Sendo maligno e tendo voltado, as chances são mais complicadas”, disse Lopes. Para outro especialista, a necessidade de nova cirurgia tão rápido é “mau prenúncio”.