Porque Cabral não vai para o Senado

     Do colunista Ilimar Franco, de  ‘O Globo’:
     “O governador Sérgio Cabral (RJ) escreve dizendo que “não se candidatará ao Senado novamente”. Ele diz que cumprirá todo seu mandato com o objetivo de reconstruir o Rio e garantir a pacificação, comandada pela Segurança Pública”.
                                  * * *
Cabral não será candidato ao Senado por duas razões:
1 – Essa é uma eleição majoritária e existe apenas uma cadeira em disputa. E Cabral sabe que não tem votos para vencer o pleito.
2 – A cadeira em disputa é a do senador Francisco Dornelles. E ele não poderá trair Dornelles, concorrendo contra ele. Não porque o senador seja seu mais importante conselheiro, quando Cabral lhe pede conselhos naturalmente… Mas
Dornelles é mais do que isso. É tio de Aécio Neves, e Cabral não vai querer brigar com o futuro. Por mais remoto que esse futuro se apresente…