Vida de estudante


  Os portugueses dizem que Coimbra é a capital do saber lusitano. Lá está uma das mais antigas universidades da Europa. Duzentos quilômetros perto de Lisboa, a cidade milenar e histórica é conhecida por sua permanente atmosfera de descontração e cultura, cantada em versos do
fado e rimas do rock. Jovens de vários países cultivam o sonho de freqüentar as conceituadas faculdades coimbrãs. Tradição é o que não falta. Os alunos mantêm até hoje o costume de usar capas negras para afirmar o orgulho e a condição de universitários. Na lapela das capas, fitas de cores variadas indicam o curso de cada um. Por exemplo: Medicina, laço amarelo. Direito, vermelho. Ciências, verde. Letras, azul. Na semana que antecede os exames finais,os quartanistas fazem uma festa de parar a cidade. Aliás, uma tremenda farra movida pela alegria, paixões e muita bebida.

Como foi - De passagem por Portugal, resolvi ir à tranqüila Coimbra. Dei azar. Ou melhor, sorte.Justamente naquele dia a cidade tão serena que eu conhecera dois anos antes, Estava no auge da movimentada folia dos formandos. Deixei de fazer fotos que mostrariam o sossego. Em compensação vi uma festa que jamais imaginava presenciar.