Nuzman agora adere a lorota

A proximidade com o governador Sergio Cabral dá nisso.
O presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Carlos Nuzman, disse no sábado que a perda dos royaltes do petróleo, em nada afetaria a organização das Olimpíadas do Rio, e nem mesmo da Copa do Mundo, pois o “Governo Federal irá garantir o dinheiro para a realização dos dois eventos”.
Ontem, Nuzman divulgou uma nota afirmando que a “emenda Ibsen, que altera a divisão dos royalties do petróleo, deixará o Estado do Rio sem condições de fazer as obras necessárias para os Jogos Rio 2016 e que, se a situação não for remediada, representará uma quebra de contrato”.
Vamos ver qual o discurso de Nuzman amanhã…